Leilão online tem +400 veículos com preço muito baixos

Leilão online tem +400 veículos com preço muito abaixo da Tabela Fipe. Para conferir todos os veículos e data de início do leilão, basta conferir todo o artigo.

Leilão online tem +400 veículos

A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) realiza mais um leilão de 474 veículos apreendidos, removidos e recolhidos há mais de 60 dias e não procurados por seus proprietários, dentro dos prazos e formas da legislação pertinente.

Data e horário

O leilão será realizado no dia 25 de agosto, às 9 horas, apenas na modalidade on-line, sendo a Foco Leilões a empresa organizadora, por meio do sítio eletrônico www.focoleiloes.com.br, do tipo maior lance por lote.

O procedimento é realizado de acordo com as Leis Federais nº 8.078, de 1990, Lei nº 8.666, de 1993, Lei nº. 9.503, de 1997, Lei nº. 13.160, de 2015, Decreto Federal nº. 21.981, de 1932, Resolução Contran nº. 623, de 2016, bem como a legislação afim.

Visitação aos bens leiloados

Os veículos e demais Lotes previstos para alienação, constantes nos Anexos I e II poderão ser visitados pelos interessados, no período de visitação que será nos dias úteis, de 19 a 24 de agosto de 2020, das 09h às 12h e 14h às 16h, no Pátio da Rodando Legal/SEMOB-MT – Rua Beira Rio, S/N, Lote A01, Jardim Bela Marina, CEP 78000-000.

É permitida, exclusivamente, a avaliação visual dos lotes em seus locais de exposição, sendo vedados quaisquer outros procedimentos como manuseio, experimentação e retirada de peças. As fotos divulgadas no site www.focoleiloes.com.br serão meramente ilustrativas, não servindo de parâmetro para demonstrar o estado dos bens.

Cadastro

Todos os participantes deverão cadastrar-se previamente no site www.focoleiloes.com.br com nome completo, documento de identidade, CPF, endereço e, quando for o caso, procuração do representante legal da Pessoa Jurídica ou do licitante (Pessoa Física).

Leilão online tem +400 veículos com preço muito baixos

Somente poderão comprar neste leilão pessoas residentes no Estado de Mato Grosso. O bem arrematado deverá ser retirado na sua totalidade, não sendo reservado ao arrematante o direito à realização de forma parcial com eventual abandono do restante.

Leia também

Deixe um comentário